segunda-feira, 6 de julho de 2015

Votaram Sim ao Grexit: e nada nos aconteceu.

Os esquerdistas contaram-nos uma historieta. 

Nas últimas semanas quizeram-nos fazer acreditar que, votando os gregos a facor da saida do Euro (isto é, contra o novo acordo de resgate), a Zona Euro e, em particular, Portugal sofreria consequencias avassaladoras. Diziam eles que as taxas de juro da nossa divida pública iriam disparar para os valores próximos dos que vimos nos meses da crise.

A Sr.a Merkel sabe mais a dormir que os esquerdistas todos acordados.
Quando ontem se ficou a saber que o Não ao acordo de 3.º resgate tinha 61%, pensei eu que a Sr.a Merkel ia anunciar algo aos restantes cidadãos da Zona Euro. 
Mas não disse nada.
E se não disse nada, nada acontecerá de diferente. Como quem está com as calças nas mãos são os gregos, a inação quis dizer que os bancos gregos vão continuar fechados todo o tempo em que não houve acordo.
Se votarão "Não ao acordo" também votaram "Não à abertura dos bancos".

E como acordaram as pessoa hoje?
Pensei eu que as pessoas acordariam nervosas e que isso se iria traduzir pela desvalorização das obrigações de dívida pública portuguesa (i.e., pela subida das taxas de juro implícitas da dívida pública portuguesa).
Hoje levantei-me, tomei banho, fui acordar a minha mãe, tomar pequeno almoço, preparar a insulina e o pequeno almoço da minha mãe e, depois, liguei a televisão e não se falava nem de Berlim a arder nem de terramoto em Lisboa. 
Depois, liguei o computador e fui ver como transacciona a dívida pública em euros.

Afinal, a Grécia não nos afundou.
Concentremo-nos nas obrigações a 2 anos da dívida pública portuguesa que traduzem o risco de nós sairmos do euro nos próximos 24 meses. 
Entre Abril 2015 e Junho de 2015 a sua cotação oscilou entre 99,20€ e 99,40€.
Desde quinta feira passada (dia 2 de Julho) estas obrigações a 2 anos estão a transaccionar a 98,20€ (uma desvalorização de 1%), não tendo acontecido entre ontem e hoje qualquer alteração.

Fig. 1 - Irina, deita-te comigo que é verdade, eu sou mesmo muito rico, tenho mais de 1000 milhões € depositados num banco grego e amanhã já vou poder transferir metade desse dinheiro para a tua conta.
O Varofáquis garantiu e ele é especialista em Teoria dos Jogos.

Já as obrigações gregas a 2 anos, meu Deus!
Entre Abril 2015 e Junho de 2015 a cotação das obrigações gregas a 2 anos já estavam muito desvalorizadas oscilando entre 59€ e 69€ (uma média de 60€) 
Hoje estas obrigações a 2 anos estão a transaccionar a 45€ o que traduz uma desvalorização de 30%.

E na Alemanha, as coisas valorizaram.
As obrigações a 2 anos valorizaram 0,3% o que traduz um risco menor da dívida pública alemã.

E por isso é que o Varofáquis se demitiu.
Se ainda ontem afirmava com toda a convicção de que os bancos gregos iriam abrir hoje e continuam fechados, se anunciava inflamado que as taxas de juro de Portugal iriam disparar e estão na mesma, mais não lhe sobrava do que ir-se embora.

Faz-me lembrar o Truman.
Quando os americanos pensaram lançar a bomba atómica sobre o Japão, havia vozes que diziam que deveria haver um aviso e que, na hora anunciada, a bomba deveria ser lançada numa zona desabitada.
Mas outros diziam "E se a bomba não explode? Vão-se rir de nós, a nossa reputação vai ficar na lama."
Então, o Presidente Truman (no cargo desde 12 de Abril, dia em que sucedeu ao Roosvelt que morreu) decidiu que a bomba atómica teria que ser lançada sem pré-aviso.
O Varofáquis (e demais esquerdistas) anunciaram que iriam lançar a bomba atómica. Eu bem disse que essa bomba atómica não iria explodir mas os nossos analistas de TV (esquerdistas) anunciaram repetidamente que hoje seria o apocalípse.
Agora que se viu que a bomba atómica não passava de uma mala cheia de roupa suja, a derrota do governo grego foi total.

Antío (adeus).
Se as pessoas não tivessem votado pelo Não ainda se poderia dizer que "os malvados do Syriza enganaram o povo" como nós dizemos do "malvado do Sócrates que nos levou à bancarrota."
Mas se estivesse lá o Santana Lopes, o Rui Rio ou o Capucho, teria sido igual.

Mas o povo grego votou!
E decidiu Não.
Apesar de o referendo ter-se parecido mais com uma chapelada de um país sub-desenvolvido em que o governo faz massivamente campanha por um sentido de voto, anunciando mentiras (como, por exemplo, que os bancos gregos iriam abrir hoje sem restrições de liquidez), o povo grego votou e, por isso, vai sofrer as consequencias disso.
Agora, os gregos votaram e "vai ser respeitada a sua vontade"
Adeus e boa sorte.

Vejamos porque a Grécia tem que sair da Zona Euro.
Vamos supor que o PIB de todos os países da Zona Euro é 100€ mas que, se a Grécia sair o PIB cai 10% em todos os países (uma choque simétrico)

...............19...Grexit
18.........100€.....90€ 
Grécia...100€.....90€ 

Mas, como a economia grega é apenas 2% da economia da Zona Euro, em termos de perda em euros, a Grécia vai perder 0,20€ e os restantes 18 parceiros vão perder 9,80€ (no total).
Então, a Grécia pode fazer ameaça sobre os restantes países da Zona Euro de forma a apropriar-se de parte dos 9,80€ (são os tais 30% de corte na sua dívida pública que a Grécia "exige").
Olhando em termos estáticos, teremos que concluir que, os 18 países da Zona Euro ficarão melhor se aceitarem o corte dos 30% que avançar para o Grexit.

Mas o Jogo é repetido.
Já houve um perdão de parte da dívida pública grega e, nessa altura, foi assinado um acordo que os gregos não respeitaram. Então, se os parceiros da ZE perdoam agora 30% da dívida pública grega, daqui a um ou dois anos, a Grécia vai, usando os mesmos argumentos, exigir o corte de mais 30%.

E a ZE tem mais 18 parceiros.
Se a Grécia obtiver 30% de corte porque a sua saída causa prejuízo nos demais parceiros da ZE, Portugal, com o António Costa como primeiro ministro, vai ser tentado a exigir o mesmo.
E quanto irá exigir a Espanha? e a Itália? E os outros todos?

E a Alemanha?
Sei por fonte credível (falei com Deus durante os meus sonhos) que a França é muito a favor da acomodação da Grécia mas que a Alemanha tem mantido em cima da mesa a hipótese de abandonar o Euro.
Bem sei que os esquerdistas dizem que "isso era o melhor que poderiam fazer" mas ainda não ouvi o Syriza nem nenhum partido esquerdista pedir que a Alemanha abandone o Euro!

Qual seria o prejuízo que a saída da Alemanha do Euro causaria nos restantes países?
Sei que a Sr.a Merkel já anunciou esta hipótese aos parceiros da ZE. Vai ressuscitar  o Marco Alemão começando com uma paridade de 1 para 1 com o Euro.
A nova Zona Marco será gerida apenas pelo Banco Central Alemão (como aconselha Hayek na sua "teoria da concorrência de moedas") e vai ter outros países (sem voto mas com partilha do lucros da emissão de moeda).
Há onze países que, juntamente com a Alemanha, vão sair imeditamente da Zona Euro e entrar na Nova Zona Marco.

A nova Zona Marco (45% da actual população da ZE)
    1. Alemanha
    2. Áustria
    3. Bélgica
    4. Eslováquia
    5. Estónia
    6. Irlanda
    7. Letónia
    8. Lituânia
    9. Finlândia
    10. Holanda
    11. Luxemburgo
    12. Portugal

Ficam na Zona Euro (encabeçada pelo triunvirato França/Itália/Espanha):
    13. França
    14. Espanha
    15. Itália
    16. Eslovénia
    17. Malta
    18. Grécia
    19. Chipre

A Polónia e a Checa vão, no futuro, entrar na Zona Marco.

Vai haver um referendo na Alemanha.
A perguntar se querem permanecer na Zona Euro com a Grécia lá (ou criar a Zona Marco gerida pelo Banco Central Alemão).
A Sr.a Merkel vai fazer campanha pelo Não e, no final, 97% dos alemães vão votar Não.
97% dos alemães vão votar a favor da criação da Zona Marco e a favor da permanencia da Grécia na Zona Euro.

Pedro Cosme Vieira

3 comentários:

Chilavert disse...

Professor, Varoufakis não prometeu que os bancos abririam sem restrições esta segunda feira.
Nem foi por isso que se demitiu.
Caso não tenha reparado o Euro tava em 1,09 dolares no dia do "não" e assim que Varoufakis se demitiu o Euro trepou para 1,11 dolares.
Chamemos lhes "forças ocultas"(havia gente a perder dinheiro)
Digamos que a Europa não queria as ideias de Varoufakis nas reuniões.
O Governo Grego tem 2 aliados fortissimos:o tal relatório do FMI onde diz que a divida grega como está neste momento não é pagavel e a doutrina do FED(cavalo de troia do Varoufakis).

Sobre a Zona Marco e Zona Euro a médio prazo(ou talvez mais depressa ainda) e provavelmente com outras designações, poderá ser a solução para o problema da heterogeneidade das economias.
Uma moeda para os países do Sul da Europa com um cambio para o Euro entre 1,3 a 1,5(depois de negociações) parece me a mim uma ideia bem exequivel

RIC disse...

caro professor do ponto de vista matematico e tudo muito bonito mas no fundo estamos a falar de uma verdadeira tragedia grega .as assimetrias verificadas nas economias da zona euro foram tais que toda a gente sabe que se os tratados orçamentais fossem cumpridos a propria alemanha nunca venderia tantas "latas "por essa europa fora e toda a gente sabe tambem que os niveis de individamento nunca teriam chegado a este ponto .o adam smith viveu no seculo 18 ( ja la vao muitos aninhos ) . ninguem me diga a mim que qd se iniciou este projecto conjunto com as liberdades fiscais concedidas a todos os paises ninguem sabia onde isto ia parar .vou aprendendo economia por iniciativa propria e agradeço-lhe a sua ajuda, mas a resposta parece-me elementar .uma derradeira pergunta. como economista se tivesse desempregado desde 2010 ja sem fundo de desemprego mas com vontade de trabalhar falava da mesma forma ?? o que faria eu presumo ,emigrava concerteza .o soros e da opiniao que a alemanha devia sair sozinha para ficar "competitiva".isto como projecto economico e politico um total falhanço

Zephyrus disse...

«.isto como projecto economico e politico um total falhanço.»

Caro,

se ainda vai havendo por cá algum rigor orçamental, respeito pela protecção do Ambiente, concorrência e liberdade de expressão, bem podemos agradecer à UE. Com as elites que temos nos principais partidos, e com esta Esquerda saudosa do PREC, só temos que temer se Portugal abandonar o projecto europeu.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Best Hostgator Coupon Code