sexta-feira, 4 de setembro de 2015

O Costa deve estar todo contente

É que, nas sondagens, o PS vai à frente. 

Na sondagem da Eurosondagem de 27/9 a 2/10, em 1040 respostas válidas, o PS tem mais 8 respostas que o PSD+PP. 
Pegando nos dados da sondagem, o PS está com 60% de probabilidade de ganhar as eleições.
Mas esta vitória será com mais 2 ou 3 deputados que o PSD+PP (94 para o PS e 91 para o PSD+PP) e 22 de distância dos 116 da maioria absoluta.
Mas, ter mais 2 ou 3 deputados contra o governo que, desde que Cristo desceu à Terra, mais destruiu a nossa economia, é poucochinho. 

E sempre a descer.
Mas, camarada Costa, não te preocupes porque até o Papa Xico desce!

Fig. 1 - O Papa Xico está sempre a descer e nunca parece preocupado.

"Mandar os refugiados  limpar as nossas florestas".
O Costa afirma que os refugiados sírios podem ir limpar florestas porque são agricultores. 
Mas na Síria apenas 10% das pessoas trabalham na agricultura (dados do Banco Mundial). Então, o Costa decidiu afirmar algo que está errado e sobre o qual não faz a mais pequena ideia. 
Sendo que a grande maioria dos refugiados viviam em cidades, não se vão adaptar a trabalhar na floresta. 
Já viram algum marroquino a trabalhar na floresta? Não, vendem tapetes. 
Já viram algum indiano a trabalhar na floresta? Não, têm lojas de roupa.
Já viram algum chinês a trabalhar na floresta? Não, têm lojas de 1,50€.
Já viram algum romeno a trabalhar na floresta? Não, trabalham nas feiras.
Trabalhar na floresta é muito duro, digo-vos que tenha experiência, custa muito e não dá nada, é trabalhar para aquecer.

Mas vejamos como a ideia é bacoca. 
Primeiro, não há um único refugiado que queira vir viver para Portugal.
Lembram-se do Nino Vieira quando veio refugiado da Guiné-Bissau? Passado 15 dias já estava a viver em Paris.
Todo e qualquer refugiado a quem Portugal dê autorização de residência, passados 15 dias está na Alemanha.
Segundo, quem é que vai pagar o minimo de 505€/mês mais 23,75% de TSU e seguro de acidentes pessoais para que os refugiados (eventualmente) trabalhem na floresta? Os pobres agricultores? Não dá para isso.
Por aqui vemos o que o António Costa é uma pessoa com um sorriso bonito mas sem ideias.

Fig. 2 - Como vou acabar com a fome e a guerra no Mundo? Fácil, vão limpar as florestas portuguesas.

A concessão do Metro-Porto e dos STCP.
A Ciência Económica indica que o melhor para os clientes é haver concorrência.
Assim, deveria vários operadores a "vender transportes", varias empresas de camionagem e operadores de comboios. Sendo que, em termos políticos, isso é possível, é muito positivo o Passos Coelho ter entregue o Metro-Porto a um operador e os STCP a outro operador. 
Vai haver concorrência e quem vai ganhar mais são as pessoas que precisam de transportes públicos.
Bem sei que podem avançar com o "aumento da eficiência pela racionalziação dos recursos" mas isso é bullshit, a concertação só serve para extrair rendas de monopólio aos clientes.
Viva a concorrência.

Fig 3 - Já estou a imaginar as cores, a pica e a motorista do novo STCP

O PS diz que vai anular a concessão.
Mas também já disse que ia anular a privatização da TAP, dos Estaleiros Navais de Viana do Castelo, da CP Carga, do BPN, da EDP, da REN e ainda reabrir os tribunais, as escolas primárias, os hospitais concelhios, repor o subsídio aos casais desempregados, o complemento aos velhinhos, o abono de família, cortar as taxas moderadoras, repor os salários que o Sócrates cortou, etc.

Sim, os cortes nos salários foram feitos pelo Sócrates.
Foi o Sócrates que cortou em 2010 o meu salário em 9,6%.
Não foi o Passos Coelho mas o Costa diz que foi este governo.
Não foi, foi o do Partido Socialista.

Estava eu a falar da anulação da concessão.
O PS disse, relativamente a todas as medidas que o Passos fez, que ia anular isso mal chegasse ao governo.
Mas já ninguém fala dessas coisas, das espirais recessivas, da explosão do desemprego.
Por isso, além de no dia 4 de Outubro não chegar a ser governo, se chegar, não vai anular nada.

Vai anular tanto como o Syrisa anulou.
Lembram-se que diziam que o Salário Mínimo Grego ia subir 25%?
Será que subiu?
Não.

O Costa (o Paulo Portas, eu e muitos outros) erraram na previsão.
Se, em 2013, quando houve aquela manifestação do 15 de Março e o Gasparzinho se demitiu, o Seguro tivesse feito o tal acordo "de salvação nacional" com o governo como foi proposto pelo Cavaco Silva, chegando a 2014, a economia já estaria a recuperar mas não o suficiente para dizer que a politica "neoliberal" deu resultados e, na campanha eleitoral, o Seguro ainda poderia dizer que "isto está a melhorar porque o PS está a moderar os neo-liberais de direita."
Chegado a finais de 2014, o PS chegava a governo.

O problema é que ninguém acreditava que a economia pudesse melhorar.
O do PS, onde o Costas se incluía, imaginavam que a economia ia afundar como estava a acontecer na Grécia. E, nesse caso, o PS, estando fora, iria ganhar nas calmas.
O Portas demitiu-se porque também perdeu a esperança de que a economia pudesse recuperar como recuperou e continua a recuperar.
No dia em que o Portas se demitiu, o Passos Coelho com a frase "Não aceito a demissão" mostrou a sua fibra de estadista, que acreditava no que dizia o Gasparzinho, de que tudo estava para mudar.

Agora, vejamos os dados da emigração.
Como o Costa para ganhar precisava que tudo estivesse mal, vendo que as boas notícias do crescimento económico e da descida do desemprego, atiram com "emigraram 400 mil pessoas" (o Correia de Campos falava de 350 mil).
Vamos então ver o que diz o INE.
Antes de 2011, com idade entre os 20 e os 65 anos, emigravam 15 mil pessoas por ano (as criancinhas e os velhinhos não emigram para trabalhar). 
Depois de 2011, no mesmo intervalo etário, emigram 45 mil pessoas, um aumento de 30 mil pessoas por ano.

Em quatro anos, são mais 120 mil pessoas.
É 1/3 dos 350 mil que o Correia de Campos falou, muito longe dos tais 400 mil que o Galamba fala.
É a campanha da mentira, do vota abaixo e do quanto pior melhor.

O Passos iria cair de podre.
O Cavaco caiu em 1995 de podre, o Guterres caiu em 2002 de podre, o Santana Lopes caiu em 2005 de podre, o Sócrates caiu em 2011 de podre e o Costa pensava que o Passos iria cair em 2015 de podre.
Que bastava arrumar com o Seguro e fazer de morto que a vitória estaria no papo.
O problema é que o Passos Coelho é um novo Lázaro, já estava morto e cheirava mal mas, voltou à vida.
Agora, quem vai cair de podre é o Costa.

Fig. 4 - O Costa pensava ser como a penicilina, nascer de uma laranja podre!

Pedro Cosme Vieira

0 comentários:

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Best Hostgator Coupon Code